Mulher foi presa pela polícia por se recusar a passar as roupas do marido
   Jim  Ferrari  │     3 de julho de 2015   │     12:59  │  1

Essa vai deixar a mulherada louca de raiva!

Dulce Requena Garcia é uma mulher de 21 anos que mora no México. Apesar de jovem, ela já é casada. – E com que qualidade de marido!!!

O cara teve a capacidade de ligar para a polícia para reclamar que Dulce não queria passar a ferro as suas roupas.

A esposa se recusou a passar as roupas do marido e o acusou de estar indo se encontrar com sua amante.

A esposa se recusou a passar as roupas do marido e o acusou de estar indo se encontrar com sua amante.

Ainda mais bizarro é o fato da polícia ter dado ouvidos e ter ido buscar Dulce para levá-la à delegacia, onde lhe cobraram uma multa de aproximadamente 100 reais.

Como Dulce não tinha nenhum centavo, acabou em cana! Isso mesmo! Dulce foi presa (!!!) por não passar as roupas do maridão, que queria chegar em casa do trabalho e encontrar tudo prontinho para poder sair com os amigos. SAFADO!

Dulce tinha seus motivos para não querer passar as roupas. Segundo ela, o marido queria mesmo era se encontrar com a amante. – Pronto, virou novela mexicana!

O marido rebateu a acusação e disse que a esposa não faz as tarefas domésticas para poder ficar o tempo todo na frente da TV. – É verdade isso, Dulce?

Como tudo hoje em dia cai nas redes sociais, esse caso provocou revolta entre os internautas mexicanos.

Que barraco, hein?

Tags:, ,

>Link  

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Adriel Batista Correia de Melo

    Maceió,09 de julho de 2015

    Senhores.

    Eu sou um homem feliz,pois não tenho esposa.

    Adriel Batista Correia de Mel

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *