Esposa invade WhatsApp do marido, descobre traição e é multada por invasão de privacidade
   Jim  Ferrari  │     19 de maio de 2016   │     7:58  │  0

Mulher que investigou o celular de seu marido após começar a desconfiar que o homem a estava traindo foi considerada culpada de invasão de privacidade.

Mulher que investigou o celular de seu marido após começar a desconfiar que o homem a estava traindo foi considerada culpada de invasão de privacidade.

Uma mulher que investigou o celular de seu marido após começar a desconfiar que o homem a estava traindo foi considerada culpada de invasão de privacidade.

A mulher árabe aparentemente encontrou evidências sobre a infidelidade do marido ao checar o telefone móvel dele, mas quando o acusou pela traição, ele levou o caso à polícia.

Ela foi condenada a pagar £ 28.275 (equivalente a R$ 142 mil) por danos, antes de ser deportada, de acordo com julgamento em um tribunal de Ajman, nos Emirados Árabes Unidos.

O casal tem cerca de 30 anos cada, e é de nacionalidade árabe.

A mulher teria verificado o WhatsApp do marido antes de enviar fotos para si mesma como prova. Ela, então, confrontou o marido com as imagens, supostamente acusando-o de ter um caso com outra mulher.

Em resposta a isso, o homem ‘apresentou uma queixa junto ao tribunal de Ajman, acusando a esposa de transferir fotos sem sua permissão’.

A mulher admitiu as acusações e foi considerada culpado pelo tribunal em 12 de maio. Ela será deportada para os Emirados Árabes Unidos.

Quem está certo nesta história? Deixe o seu comentário.

Tags:, , , ,

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *