6 de julho de 2015

Empresa cria multa para funcionárias que engravidarem sem permissão

Está pensando em ter um bebê? Converse primeiro com seu patrão! Essa orientação absurda está vindo lá da China, mais precisamente de uma cooperativa de crédito localizada no distrito de Shanyang, que estipulou uma multa de aproximadamente R$ 500 para as funcionárias que engravidarem fora do período combinado com a companhia.

Empresa cria multa de quase 500 reais para funcionárias que engravidarem sem a permissão da companhia

Empresa cria multa de quase 500 reais para funcionárias que engravidarem sem a permissão da companhia

A empresa emitiu um comunicado especificando que os departamentos dariam prazos para as funcionárias que tenham o desejo de engravidar. A funcionária que “embarrigar” fora do cronograma terá de pagar a multa e ainda perder os benefícios de promoção da empresa.

Uma das mulheres que trabalha neste empresa disse que não há muita escolha senão seguir o que diz o comunicado. Segundo ela, é mais fácil fazer este acordo do que encontrar um novo emprego.

A empresa afirmou que trata-se apenas de um teste e que se compromete a remover o comunicado caso haja algum protesto.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *